Opinião

Praça Stephens

 

 

 

 

 

Embora a contragosto, porque entendo que estas matérias dizem pouco, não dizem mesmo nada, às pessoas, vou voltar ao tema da suposta crise na câmara municipal. A matéria, a fazer fé nos jornais, resume-se em poucas linhas. Com efeito, no mandato transato, os vereadores do PCP colocaram em causa a honestidade e a seriedade do Presidente da Câmara, Álvaro Pereira e dos Vereadores Paulo Vicente e Cidália Ferreira, tendo ido apresentar no tribunal uma queixa contra eles a propósito da adjudicação das obras na Resinagem.

1. A terceira lei de Newton diz que a força que um corpo A aplica sobre um corpo B, dele A irá receber uma força da mesma direção, intensidade e sentido oposto. Transpondo isto para a política e para a nossa vida de todos os dias significa, em linhas gerais, que o sentido da uma acção pode ser contrário ao resultado dessa mesma acção. Vem isto a propósito daquilo que considerei aqui ser um conflito, mais aparente que real, entre os vereadores que na câmara municipal têm responsabilidades na gestão dos pelouros. Tanto assim é que o PCP fez uma reunião para assinalar o trabalho dos seus vereadores, valorizando-o e a presidente da junta, eleita pelo PCP, alinhou pelo mesmo diapasão. Ora, tendo em atenção que os vereadores do PCP têm pelouros de grande importância tais como a educação, o desporto, a cultura, a acção social e o turismo, entre outros, o facto de lhes elogiarem a prestação significa, claro está, que o concelho está a beneficiar da sua acção e que o Presidente da Câmara, lembro, a quem compete coordenar estas atividades, tem sabido interpretar e impulsionar o bom trabalho de todos para a comunidade.

A atividade política é meramente instrumental, serve para fazer coisas para resolver problemas é isso que verdadeiramente as pessoas esperam dela. Quando recebo no parlamento os empresários do setor dos plásticos penalizados com o “imposto verde” ou os que são penalizados com os cortes de energia e que veem, consequentemente, os custos dos seus produtos agravados, preocupam-se pouco que eu diga que a culpa é deste ou daquele, eles querem, e com razão, é ver o seu problema resolvido. Durante muito tempo – uma melhor situação económica das pessoas também o permitia – os cidadãos foram tolerando a luta política,  desde que no final a sua condição de vida fosse melhorada. Hoje já não é assim e todos devíamos, o que ainda não é o caso, ter consciência disso.

O Autor
joao p pedrosa page
João Paulo Pedrosa
Deputado pelo PS

logo novo

  Travessa Vieira de Leiria, 9 - 2430-276
  Marinha Grande
  Telefone: 244 502 628
  E-mail: jmg@jornaldamarinha.pt
 
webmaster@jornaldamarinha.pt

Sol

16°C

Marinha Grande

Sol
Humidade: 33%
Vento: NNE a 22.53 km/h
sexta feira
Muito Nublado
9°C / 18°C
sábado
Parcialmente Nublado
10°C / 17°C
domingo
Aguaceiros Fortes
10°C / 15°C
This website is protected by DMC Firewall!